paperbridge3

Arquitetura em Papel/ Paper architecture


Shigeru Ban, arquiteto japonês da SBA – Shigeru Ban Arquitetos, usa o papel, material tradicional na arquitetura japonêsa, em seus projetos e constrói edifícios usando tubos de papelão.

Shigeru Ban, Japanese architect of SBA – Shigeru Ban Architects, uses the paper, a traditional material in Japanese architecture, in his designs and builds constructions using paper tubes.

o bosque de papel/ the paper arbour

O primeiro projeto realizado foi o Paper Arbour (bosque de papel) em 1989. 48 dos tubos de papelão foram tratados com parafina para evitar humidade, presos numa base de concreto em concreto. Eles foram firmados por uma liga de cola e juntados no topo pela compressão de um anel de madeira. O teto foi construído com lona de barraca, preso em fios estirados entre os tubos. O modelo passou 6 meses na chuva e no vento e quando foi desmontado percebeu-se que a dureza da cola e a moderada exposição aos raios ultra-violetas do sol de fato aumentaram a resistência à compressão do papelão.

48 of these tubes are treated with paraffin water-proofing and fitted onto a precast concrete base in a circle. These were stiffened with a glue compound and joined at their heads by a wooden compression ring. The roof consisted of tenting fabric hung from tension wire arranged in a spoke-like configuration. After the structure was dismantled, the strength of the paper tubes was analyzed. Despite being subject to sis months of wind and rain, the hardening of the glue and moderate exposure to ultraviolet rays actually resulted in increasing the compressive strength on the tubes.

Pavilhão Odawara / Odawara Hall – Odawara, Kanagawa, Japão/Japan, 1990

Para comemorar o 50 aniversário da cidade de Odawara a Prefeitura contratou a construção de um pavilhão para usos múltiplos e temporário. O edifício tem em seu interior cerca de 1.300 m² e foi construído com 300 tubos de papelão.

To commemorate the 50th anniversary of the Odawara municipality, the local government commissioned a temporary multi-purpose hall. The interior space of about 1,300 m² was composed of 330 paper tubes.

Casa de Papel/ Paper House – Lago Yamanako/ Lake Yamanako, Yamanashi, Japão/Japan, 1995

Uma configuração em formato de S realizada com 110 tubos de papelão define o interior e o exterior da casa de papel.

An S-shape configuration comprised of 110 paper tubes defines the interior and exterior areas of the paper house.

E usando papel reciclado e conhecendo melhor o material utilizado a criatividade do arquiteto foi aumentando, como pode ser visto nos projetos a seguir.

Using recycled paper and when he knows better the material the architect creativity increased as is showed in the examples below.

Galeria de Exposição e Produção de Design Miyake / Miyake Design Studio Gallery, Shibuya, Tokyo, Japão/Japan, 1994

vista externa/ extern view

vista do interior/ interior view

Domo de Papel/ Paper Dome – Osaka-cho, Gifu, Japão/Japan, 1998

vista do interior/ interior view

pavilhão do Japão na exposição de Hanover de 2000, Alemanha – Japan Pavillion Expo 2000 Hannover, Germany

vista do interior/ interior view

detalhe dos tubos/ tubes detail

Escritório de Papel da Universidade de Keio/ Paper Studio Keio University, Fujisawa, Kanagawa, Japão/Japan – 2003

vista do interior/ interior view

Passarela de papel/ Paper Bridge – Remoulin, França/ France, 2007

outra vista da passarela/ other bridge view

para ler mais sobre o trabalho desse arquiteto em português clique aqui e aqui e aqui

para ler mais sobre o trabalho desse arquiteto em inglês clique aqui e aqui e aqui / to read more about this architect hit here and here and here


3 pensamentos sobre “Arquitetura em Papel/ Paper architecture

  1. Excepcional!
    Uma excelente forma de construção arquitetônico sustentável, reciclável e relativamente barata, não deixando de ser funcional e original. Atentando para as condições climáticas e mantendo os 03 princípios de Vitrúvio, simplesmente se torna genial!

  2. Quero parabenizar pelo trabalho apresentado.
    Tenho pesquisado muito de como posso aproveitar uma grande quantidade de tubos a minha disposição.
    Moro perto de uma fábrica que joga muitos tubos fora. A minha preferencia seria fazer artesanatos. Voces tem uma dica?
    Se tiver favor enviar.
    Serei muito grato.

    Joab (Recife)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s