parras

Exposição de azulejos portugueses em São Paulo


Terminou ontem a exposição na Fiesp de azulejos portugueses. As peças, que abrangem um longo período, desde o século 16 até os nossos dias, pertencem ao Museu Nacional do Azulejo de Lisboa. O uso do azulejo foi introduzido em Portugal pelos árabes, e os de desenho com técnicas mouriscas de Sevilha foram utilizados no Palácio Real de Sintra e na Sé Velha de Coimbra. A exposição trouxe alguns azulejos da coleção de Sevilha, e um deles está exibido abaixo. O mais interessante da exposição foi mostrar que a técnica continua viva até os dias de hoje, e é utilizada como complemento nas obras de arquitetura. Um exemplo é a belíssima composição de Eduardo Nery – Vibrações II – do qual a fotografia não consegue exprimir nem 30% do efeito que tem ao natural.

Veja alguns deles:

painel de azulejos hispano-mouriscos – Sevilha, 1º quartel do século 16

painel de azulejos de repetição – século 17

painel de azulejo de padrão Parras – Lisboa 1º quartel século 17

Painel de azulejos com gafanhoto de Rafael Bordalo Pinheiro – 1905

Vibrações II de Eduardo Nery – Lisboa – 1987

2 pensamentos sobre “Exposição de azulejos portugueses em São Paulo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s