casa-trahan-arquitects-new-orleans

Casas “verdes” ainda não construídas – 1ª parte


As casas mostradas a seguir têm em comum projetos que se preocupam com a sustentabilidade ambiental. Algumas são desenhos experimentais, e não se prevê que venham a ser construídas, mas outras estão em fase final de detalhamento para começarem a ser erguidas ainda esse ano. São casas selecionadas pela Revista Architectural Record, e são, em sua maioria, projetos de arquitetos/escritórios norte-americanos.

1. Casa Berço (Cradle to Cradle House – C2C) – Roanoke, Virginia, EUA – Coates Design Arquitetos

Sob a laje do telhado ergue-se um cilindro que parece uma chaminé, cuja função é garantir iluminação natural no interior da casa e estabilizar sua temperatura. Mas este cilindro poderá vir a ser o suporte de um revolucionário material que é condutor, e que produz eletricidade fotosintética, a partir da proteína do espinafre. Um estudo feito por cientistas do MIT mostrou que células de proteína de espinafre prensadas no meio de vidro, tem potencial para gerar energia.

A casa projetada por Matthew Coates e Tim Meldrum, de quase 150m², em concreto e aço, tem um formato em L.

Existem outros elementos que fazem dela uma casa “verde”. As paredes externas são feitas por painéis de vidro e metal, preenchidos com um material isolante que é uma espuma de soja. A vegetação do telhado absorve e filtra a água da chuva, que depois é conduzida para um reservatório e utilizada para a descarga da privada e outros usos menos exigentes. A água usada também passa por um processo de separação do lodo, e então a água restante é tratada por uma série de filtros colocados ao longo da casa, e dessa forma ela pode ser despejada em coletores comuns, como os de água pluvial, por exemplo.

2. Pasadena Eco House – Pasadena, Califórnia, EUA – Studio RMA de arquitetura

A casa foi projetada para ser construída na área histórica das Montanhas San Rafael, e a fundação da casa é a própria pedra basalto que existia no local e na qual ela será cravada. A casa térrea com 183m², tem 3 quartos e garagem para dois carros, e foi localizada aproveitando-se um terraceamento do próprio lote.

vista lateral direita

O projeto buscou minimizar o impacto sobre o meio-ambiente. A casa será construída em painéis auto-portantes de concreto, o que reduz o peso da construção em 60%, se comparado ao uso de concreto moldado in loco. Serão colocados painéis solares que produzirão aquecimento para a casa, e a iluminação interna deverá ser feita com lâmpadas LED, de baixo consumo de energia. O projeto conseguiu um LEED de platina.

vista lateral esquerda

O telhado é somente apoiado nas paredes laterais externas, permitindo uma completa visão interior-exterior, através das janelas de vidro do living na fachada, que abrem completamente.

3. Faça Certo (Make it Right) – New Orleans, Louisiana, EUA – vários arquitetos

Num esforço para reconstruir Lower Ninth Ward, uma área de New Orleans devastada pelo furacão Katrina, o ator Brad Pitt contratou 14 arquitetos para projetar casas sustentáveis num programa que denominou “Faça Certo”. Os modelos resultantes incorporaram elementos “verdes”, como o uso de ventilação e iluminação natural, o uso de materiais recicláveis e estratégias para a utilização de energia solar. Muitos projetos adotaram soluções arquitetônicas típicas do sul dos Estados Unidos, como casas “Shotgun”, casas “camelback” e cottages crioulos.

Adjaye Associates

Adjaye Associates projetou casas com varandas no andar superior, com cobertura com painéis solares.

Pugh + Scarpa

O projeto de Pugh + Scarpa utilizou a tradição do patchwork de Gee’s Bend, do Alabama, para a composição da fachada feita com um ripado e pilares de madeira reciclada.

Concordia Arquitetura e Planejamento

O projeto de Concordia Arquitetura e Planejamento quebrou a tradicional inclinação de um telhado shotgun, para maximizar o aproveitamento da face sul para captação de energia solar e água de chuva.

Morphosis

Os projetos também procuraram estabelecer precauções contra estragos de futuras inundações, construindo casas elevadas em relação ao solo. Morphosis teve maiores precauções: ele projetou uma casa que flutua.

BNIM

A casa projetada por BNIM vem com um kit portátil de energia solar.

Billes Arquitetos

Construct

Eskew + Dumez + Ripple

Graft

Kieran Timberlake Associados

MVRDV

Shigeru Ban Arquitetos

Trahan Arquitetos

Aguardem vem mais um post desse logo, logo.

7 pensamentos sobre “Casas “verdes” ainda não construídas – 1ª parte

  1. adorei todos……….
    quero morar numa casa assim, com fe em deus para impresionar muita gente

  2. Bom, cite a fonte, ok. Mas prefiro que você só fale da matéria e faça um link para cá.😉

  3. Muito impressionantes estes projetos!
    Achei eles muito interessantes, isso porque eu ainda nem vi as 2ª e 3ª partes da matéria. Mas acredito que todas elas são de muito bom gosto!
    Parabéns por dispor à nós leitores um assunto tão importante quanto este. E justamente por isso, gostaria de saber se você se importaria de eu colocar essas 3 matérias em meu Blog. Até mesmo porque o meu Blog ainda está iniciando, e acho que matérias desse gênero iriam chamar bastante atenção… Assim como chamou a minha!!! Hehehe!!!
    Desde já agradeço.

  4. Parabéns, todos os projetos são maravilhosos.
    Achei muito interessante a ideia (Pugh + Scarpa) – gostaria de poder construir uma assim para minha família – parece muito confortável.

  5. são viaveis estes progectos .a pergunta : a relação preço valor para uma casa 312 mt.
    gasto 35 euros mês le eletricidade .é ou será atraente a vossa alternativa ?
    em cuantos anos recopero o investimento ?

  6. alem de fazer arquitetura e urbanismo, faco tambem gestao ambiental… adorei os projetos

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s