sao-nicolau4

Sala de leitura: Prêmio Pritzker 2009 – Peter Zumthor


zumthor

O arquiteto suiço, Peter Zumthor, nascido na cidade de Basiléia em 1943 foi laureado com o prêmio Pritzker desse ano. Zumthor “é um arquiteto magistral admirado pelos seus colegas de todo o mundo pelo seu trabalho centrado, sem compromissos e excepcionalmente determinado”, diz o júri do Pritzker em comunicado ontem.

Zumthor começou sua vida profissional como carpinteiro em 1958 e começou a estudar arquitetura em 1963, na Basiléia na escola Kunstgewerbeschule. Nos anos 60 ele foi para os Estados Unidos e estudou em Nova York no Pratt Institute. Em 68 ele se tornou arquiteto do Departamento de Preservação de Monumentos  em Graubünden, na Suiça. Todos os especialistas são unânimes em afirmar que essa experiência foi marcante em sua carreira, dando-lhe conhecimento dos materiais de construção e das qualidades dos materiais rústicos. Como pode ser visto pelos projetos apresentados aqui, Zumthor faz uma arquitetura limpa, onde o uso do concreto aparente é uma constante, sua arquitetura é pura forma primária. Após um ano onde a sensação foi o estádio de Pequim – o Ninho de Pássaro – de Herzog & De Meuron com sua voluptuosidade, é surpreendente que o ganhador do Pritzer seja um arquiteto que preza tanto a forma pura.

Para mim, os edifícios possuem um belo silêncio que associo com atributos como compostura, durabilidade, presença e integridade, também com a calidez e a sensualidade. É belo estar fazendo um edifício e imaginá-lo em total serenidade“. (Zumthor)

sao-beneditoCapela de São Benedito – 1988 – Sumvitg – Suiça

sao-benedito2outra vista da Capela

sao-benedito3Veja como o material utilizado é o mesmo da arquitetura residencial do entorno

Em 1998 o arquiteto recebeu o Prêmio Carsberg Architecture por seus projetos do museu Kunsthaus em Bregenz na Austria, construído entre 1993 e 1997 e das termas de Vals, na Suiça. o museu Kunsthaus também ganhou o prêmio Mies Van der Rohe em 1999.

kunsthausOs dois edifícios que foram o Museu Kunsthaus Bregenz

kunsthaus2outra vista

kunsthaus3Neste prédio funciona a livraria e o café

kunsthaus4Neste funciona o Museu

kunsthaus5Detalhe da fachada em vidro com caixilhos de aço do Museu

kunsthaus6O interior do Museu, com espaços sem divisórias

kunsthaus7outra vista do interior do Museu – concreto e vidro

termas-de-valsAs Termas de Vals, o edifício em concreto ao centro, é de 1996 – Suiça

termas-de-vals2uma vista mais próxima do edifício

termas-de-vals3O edifício é todo em concreto

termas-de-vals6outra vista

termas-de-vals-8vista do interior

termas-de-vals-4

termas-de-vals9

termas-de-vals10

termas-de-vals-7o edifício é impressionante

Algo me faz falta: uma empatia que instantaneamente me afeta quando experimento a beleza. Antes de conhecê-la, não advertia ou já não sabia que me faltava, mas a renovação desse conhecimento me evidencia que sempre me fará falta. A beleza existe, ainda que suas aparições são relativamente pouco freqüentes e, normalmente, se produz em lugares inesperados.” – escreve Peter Zumthor

Zumthor foi professor no Southern California Institute of Architecture em Los Angeles, da Universidade Técnica de Munique, da Academia de Arquitetura Mendrisio, da Università della Svizzera Italiana e da Havard Graduate School of  Design. Em 1994, ele foi aceito na Academia de Künste de Berlim. Em 1996 ele se tornou um membro honorário do Bund Deutscher Architekten. A maior parte do seu trabalho não está publicado, em parte devido a sua crença de que a arquitetura deve ser uma experiência ao vivo. Seus trabalhos publicados são em sua maioria teóricos e fenomenológicos. Atualmente, Zumthor trabalho em seu pequeno escritório, que fundou em 1979 na cidade de Haldenstein, na Suiça.

elderly-housingConjunto Habitacional para Idosos – Chur – Suiça – 1993

elderly-housing2outra vista

elderly-housing3O uso do concreto e do vidro e das formas puras

elderly-housing41o concreto fica aparente, mostrando o desenho das fôrmas

elderly-housing5um pequeno avanço em balanço preserva a caída natural do terreno

Zumthor sempre enfatiza os aspectos sensoriais da experiência arquitetônica. Para ele, a concretude dos materiais pode envolver o indivíduo no mundo, evocando experiências e texturizando o horizonte dos lugares através da memória. Sua arquitetura apela a todos os sentidos humanos.

Um edifício que seja ele mesmo, sendo um edifício, não representando alguma coisa, somente sendo. Aquilo que me interessa e no que quero concentrar minhas faculdades imaginativas é na realidade da específica atribuição do edifício relativa ao ato ou estado de habitar. A realidade da arquitetura é o corpo concreto no qual formas, volumes e espaços adquirem entidade. O único que contêm idéias são as coisas” (Zumthor)

kolumba-museumO Museu Kolumba em Colônia, Alemanha, é de 2007

kolumba-museum21

Veja a busca pelo contraste entre os materiais, o apelo sensorial

kolumba-museum3outra vista

kolumba-museum4o páteo interno

kolumba-museum7vista do interior

kolumba-museum8outra vista do interior – esse é considerado um de seus projetos mais brilhantes

Peter Zumthor publicou um livro denominado “Pensando Arquitetura”. Nele ele expressa sua motivação para projetar edifícios que falem aos nossos sentimentos e entendendo isso de várias maneiras de tal forma que os edifícios possuam uma poderosa e inconfundível presença e personalidade.  No livro “Atmosferas” ele fala da poética de sua arquitetura e de suas fontes de inspiração. Imagens de espaços e edifícios que o afetam são tão importantes como determinados trechos de música ou livros que o inspiraram. Os dois livros são chaves para compreender a obra desse grande arquiteto suiço.

sao-nicolauCapela de São Nicolau von der Flüe’ ou Bruder Klaus Kapelle, em Wachendorf, na Alemanha, também de 2007

sao-nicolau2a entrada

sao-nicolau6

sao-nicolau8

sao-nicolau7

sao-nicolau3vista do interior

sao-nicolau4vista da iluminação zenital

5 pensamentos sobre “Sala de leitura: Prêmio Pritzker 2009 – Peter Zumthor

  1. Pois é Felipe acabei esquecendo de colocar os créditos das fotos. Excetuando-se as fotos da Termas de Val que achei no skyscrapercity as restantes são do website danda.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s