GRAND CENTRAL ACESSO AO RESTAURANTE

NYC – Grand Central Terminal


RUA 42 GRAND CENTRALRua 42 e Park Avenue

Foto de Cecilia Lucchese

Na rua 42 com Park Avenue, fica este edifício em estilo Beaux Arts que foi construído entre 1903 e 1913, e é até hoje a maior estação de trens do mundo em número de plataformas – são 44. O edifício original, chamado de Grand Central Depot, com um grande telhado em ferro e vidro, foi aberto em 1871.  Em 1900, quando as locomotivas elétricas foram criadas, a cidade resolveu reformar a estação, dando-lhe o maior e mais belo edifício do período City Beautiful. O terminal ficou mais compacto e eficiente, com a divisão das 67 linhas em dois níveis subterrâneos, e a parte sul e norte na Park Avenue do terminal tornou-se uma só em 1919, quando um sistema de viadutos para automóveis foi construído ao redor da estação.

GRAND CENTRAL DETALHEo coroamento da entrada principal – escultura de Jules Coutan

Foto de Cecilia Lucchese

O edifício atual foi projetado pelas firmas de arquitetura Reed & Stem e Warren & Wetmore, que se associaram em 1903 para construí-lo. Ele foi construído entre 1903 e 1913. Reed e Stem são responsáveis pelo projeto geral do edifício e Warren e Wetmore pelas decorações que o transformaram num edifício Beaux Arts. Charles Reed chefiou as equipes.

GRAND CENTRAL ENTRADA PELA 42Entrada pela Rua 42 sob a ponte da Park Avenue

Foto Cecilia Lucchese

GRAND CENTRAL INTERIORante-sala da entrada pela Rua 42

Foto de Cecilia Lucchese

O esquema funcional do terminal e sua abordagem arquitetônica é fruto da compreensão das estruturas arquitetônicas clássicas do Beaux-Arts. A fachada principal, voltada para o lado sul da Park Avenue, é uma composição simétrica com grandes arcos, fechados por ferro e vidro, coroado por um grande relógio no meio de esculturas em argamassa, onde semi-divindades romanas confraternizam com uma águia americana. As esculturas são de Jules Coutan.

GRAND CENTRAL INTERIOR (3)entrando no hall principal

Foto de Cecilia Lucchese

GRAND CENTRAL INTERIOR (4)entrando no hall principal

Foto de Cecilia Lucchese

P1000009hall principal

Foto de Helena Werneck

O hall principal é extremamente detalhado, numa virtuose muito bem articulada por uma excelente restauração feita em 1998 pelos arquitetos contratados pelo Metro-North, John Beyer, Richard Blinder e John Belle. Os espaços menores são cobertos por arcos de tijolos (Guastavino tile), o que lhes dá um efeito artesanal, em trechos do andar inferior, em especial no restaurante e bar Oyster.

GRAND CENTRAL INTERIOR (5)hall lateral

Foto de Cecilia Lucchese

GRAND CENTRAL LUSTREdetalhe do lustre

Foto Cecilia Lucchese

GRAND CENTRAL INTERIOR (8)Acesso lateral

Foto Cecilia Lucchese

GRAND CENTRAL INTERIOR (6)Acesso à Rua 45

Foto de Cecilia Lucchese

GRAND CENTRAL DETALHE PORTADetalhe da porta de ferro

Foto de Cecilia Lucchese

GRAND CENTRAL DETALHE BILHETERIABilheteria

Foto de Cecilia Lucchese

grand central balcão de informaçõesBalcão de informações

foto de Vents du Nord no website Flickr

GRAND CENTRAL ACESSO AO RESTAURANTE

escultura sob a escada de acesso ao restaurante

Foto de Cecilia Lucchese

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s